Muricy torce por Miranda no São Paulo e opina sobre Cueva: “Nem pensar”

Muricy Ramalho é contra um possível retorno de Cueva ao São Paulo. Na semana passada, o peruano declarou que gostaria de vestir novamente a camisa do Tricolor e se ofereceu para retornar. Para isso, aceitaria um contrato de produtividade.

– O Cueva nem pensar. O Cueva está fora, o Cueva é brincadeira. Os caras se apresentam e ele chega depois, toda hora. Custou caro para caramba… Por isso que o grande problema dos times são as contratações. Os caras têm que saber quem eles estão contratando. Voce não pode contratar e errar tanto. Vai errar, mas tem que errar menos, senão a conta fica gigante. Às vezes você nem usa jogador e paga um monte por ele, e continua pagando – afirmou o ex-treinador e atual comentarista da Globo, ao Podcast GE São Paulo (ouça o bate-papo na íntegra no player acima).

– O Cueva veio aqui, jogou alguns joguinhos e na hora que tinha que se apresentar não se apresentou… Isso queima a imagem do time, vão falar que o treinador não tem comando. O custo benefício dele é muito ruim. No Santos deu problema, foi para o México e deu problema. Ele não para em nenhum lugar. E o São Paulo vai pegar de volta? Vai me desculpar, cara, não tem condições. O São Paulo não precisa de Cueva agora, não. Ele já teve a chance dele e não aproveitou. Mostrou muito pouco profissionalismo, muito pouco comprometimento. Infelizmente no São Paulo não dá, não. Essa é a minha opinião, né. Porque tem lá o treinador, a diretoria. Estou dando minha opinião – completou.

A posição da diretoria são-paulina vai ao encontro do que Muricy Ramalho pensa. Cueva não tem o perfil de jogador buscado para o elenco do São Paulo. Além disso, o Tricolor sabe que o Santos cobra a rescisão de Cueva na Fifa. Uma possível condenação do jogador a pagar o rival pode gerar uma despesa milionária ao clube que o contratar.

Parte da torcida, no entanto, vê com bons olhos uma repatriação do meia. Em enquete realizada pelo GloboEsporte.com, 54,32% dos votantes gostariam que o São Paulo desse uma nova chance a Cueva. Outros 45,68% votaram contra essa possibilidade.

E o Miranda?
O zagueiro Miranda é um jogador que constantemente aparece como possível reforço do São Paulo. Embora não haja nenhum tipo de negociação no momento, a torcida são-paulina sonha com o retorno do atleta.

Em entrevista ao Podcast “GE São Paulo”, no início de maio, os dirigentes Raí e Alexandre Pássaro afirmaram que as portas do clube sempre estarão abertas para o jogador e que há conversas constantes entre as partes.

Treinador de Miranda entre 2006 e 2009, Muricy Ramalho torce por uma possível repatriação do zagueiro e faz elogios ao estilo do jogador. No entanto, entende que o momento financeiro do São Paulo não é dos melhores e uma contratação neste momento é quase inviável.

– O Miranda é excepcional, continua sendo um bom jogador. Jogador que nunca sujou o calção. Miranda eu não sei quantos anos de carreira nunca deu um carrinho na vida. Miranda é brincadeira o que ele joga. E o profissional que ele é: foi um dos melhores profissionais com quem trabalhei. Para grupo e para tudo – disse.

– Agora o problema é o que ele ganha, o salário. O São Paulo já não pode fazer mais loucura. está em uma situação muito complicada. Infelizmente é assim. Fez muitas contratações nos últimos anos caras. Tá pagando o preço, porque é caro o futebol. Então é difícil. A não ser, claro, que ele baixe o salário para jogar no São Paulo. É a única chance. Mas claro, se tivesse a oportunidade, trazia ele de olho fechado. É um baita jogador. Ia fazer o São Paulo muito forte, apesar que a zaga está muito bem também. Mas o Miranda ia dar uma consistência, além de jogador, experiência internacional, cara do bem. Então ia acrescentar muita coisa. Acho difícil pelo salário. Mas se acontecer é ótimo – finalizou.

error: